Rádio Socorro
Home > Notícias > Doze cidades da região levaram notas D e uma E no Mapa do Turismo Nacional

Doze cidades da região levaram notas D e uma E no Mapa do Turismo Nacional

Treze dos 37 municípios das regiões de Campinas e Piracicaba inscritos no Mapa do Turismo Brasileiro foram classificados nas categorias D e E no levantamento divulgado neste mês pelo Ministério do Turismo.

A classificação, que vai da letra A até a E, leva em conta o número de hotéis, a quantidade de empregos gerados nestes estabelecimentos, e o número de turistas nacionais e estrangeiros recebidos por ano nos municípios. Na região, Campinas é a única com a pontuação máxima, e Elias Fausto recebeu a nota E no ranking.

Os dados usados para o mapeamento foram retirados da Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

As cidades classificados como D e E não possuem fluxo significativo de visitantes, mas representam papel importante no turismo regional, de acordo com o governo. Isso, por fornecerem mão de obra para os vizinhos ou ainda opções de passeios, compras e hospedagens extras.

A classificação D e E sugere que as localidades necessitam de investimentos na geração de empregos no setor e na criação de novos leitos de hospedagem, por exemplo.

O Mapa do Turismo é a ferramenta criada para administrar verbas públicas distribuídas para estes municípios.

Só puderam se cadastrar as cidades que têm órgão responsável pelo setor e verbas para investimento no turismo.

Estão na categoria D: Artur Nogueira, Cordeirópolis, Engenheiro Coelho, Espírito Santo do Pinhal, Estiva Gerbi, Lindóia, Louveira, Morungaba, Pedra Bela, Pedreira, Pinhalzinho e Santo Antônio de Posse.

Posicionada com E no ranking, Elias Fausto tem cerca de 20 mil habitantes. O município é forte no setor de automação e, segundo a Prefeitura, quer intensificar o turismo de negócios e o rural, já que faz parte do Caminho do Sol, rota peregrina inspirada no Caminho de Santiago, na Europa.

Na parte tocante ao turismo empresarial, a cidade regularizou o distrito industrial com a Cetesb para atrair mais empresas e visitas de empresários.

Nas regiões de Campinas e Piracicaba, cinco localidades receberam a letra B, ou seja, tem bom fluxo de turistas e estrutura. São elas: Águas de Lindóia, Piracicaba, Serra Negra e Socorro e Indaiatuba.

Levaram nota C: Americana, Amparo, Águas de São Pedro, Cosmópolis, Holambra, Hortolândia, Itapira, Jaguariúna, Limeira, Mogi Guaçu, Mogi Mirim, Monte Alegre do Sul, Paulínia, Santa Bárbara d´Oeste, São Pedro, Sumaré, Valinhos e Vinhedo.

As informações são da Imprensa Oficial de Serra Negra.

Compartilhe:

Comentários

Outras notícias


Receba atualizações

Anunciantes

Telefones da rádio Socorro

Peça sua música